domingo, 23 de junho de 2013

Vitamina C


Hoje falaremos mais um pouco mais sobre as vitaminas:



Vitamina C


também denominada ácido ascórbico. Ela é hidrosolúvel, ou seja, o organismo utiliza a quantidade que necessita e elimina o excedente; possui coloração branca e é inodora. Quando submetida à altas temperaturas, por um longo período, é destruída.


Fontes (alimentos):  frutas cítricas, laranja, limão, morango, tomate, pimentão-doce, brócolis, couve-flor, batata, batata-doce, goiaba, manga, alface, alho, rúcula, repolho, kiwi, entre outros.


Funções: auxilia na resposta imunitária do organismo; ajuda no crescimento saudável das células de ossos, dentes, gengiva, ligamentos e vasos sanguíneos; auxilia na utilização eficiente do ferro;

DeficiênciaO resultado da falta prolongada de Vitamina C no organismo é  a avitaminose denominada escorbuto, no qual os sintomas apresentados pelos indivíduos acometidos são: hemorragias gengivais, tumefação purulenta das gengivas, dores nas articulações, feridas que não cicatrizam e desestabilização dentária.
Até  onde se sabe, a alta ingestão dessa vitamina não leva à efeitos colaterais, no entanto, altas doses por um longo período de tempo pode ter efeito laxativo.

A dose recomendada de vitamina C, por dia, varia com a idade, sexo, grupo de risco e com os critérios que são aplicados em cada país individualmente.

É eficaz contra doenças infecciosas e um importante suplemento no caso de câncer.

É importante observar que a vitamina C (ácido ascórbico) é extremamente instável. Ela reage com o oxigênio do ar, com a luz e até mesmo com a água. Assim que é exposta têm-se início reações químicas que a destroem, daí o surgimento do gosto ruim no suco pronto. Estima-se que, em uma hora, quase que a totalidade do conteúdo vitamínico já reagiu e desapareceu, por isso é importante consumir as frutas ou o suco fresco feito na hora, deste modo, temos certeza que o teor de vitaminas está garantido. No caso das frutas, deve-se levar em conta o estado das mesmas (cascas, cor e etc.), caso estejam 'feridas' pode ser que já se encontre em estado avançado de reação e não tenha o 'teor' vitamínico que se deseja.


Diz a Lenda que há mais de duzentos anos, já se sabia que alguns alimentos eram necessários para manter-nos saudáveis. Percebeu-se, por exemplo, que os marinheiros que ficavam muito tempo no mar acabavam doentes. Esses homens, que consumiam principalmente bolachas e carne de porco salgada, passavam longos períodos sem ingerir folhas ou frutas frescas. Por esse motivo eram atacados pelo escorbuto.
Por volta de 1800, descobriu-se que esse mal poderia ser evitado se fossem acrescentados a sua dieta suco de limão e repolho azedo. Muito mais tarde, verificou-se que esses alimentos contêm grande quantidade de vitamina C e que a ingestão diária de pequenas doses dessa vitamina evita o escorbuto.


Referência igualmente feita por Camões.
          “E foi que de doença crua e feia,
          A mais que eu nunca vi, desampararam
          Muitos a vida, e em terra estranha e alheia
          Os ossos para sempre sepultaram.
          Quem haverá que sem ver o creia?
          Que tão disformemente ali lhe incharam
          As gengivas na boca, que crecia

          A carne e juntamente apodrecia.”                                           Os Lusíadas, V, 81

Aqui um relato pessoal: Como costumo ter afitas e meu nariz vinha sangrando, meu médico otorrino me receitou, entre outros cuidados, aumentar a minha dose diária de vitamina C.  Bom, ao meu nariz sangrar eu atribuo aos períodos de seca aqui em Brasília, e às minhas afitas, ao fato dos turbilhões de emoções dos eventos que organizo, porém segui à risca as orientações médicas.


Grande abraço a todos os seguidores do meu blog

jo marim

fonte de pesquisa: Wikipédia e sites sobre o assunto.

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Vitamina A


Vitaminas A

Vou começar a postar sobre as VITAMINAS. Como curto muito minha cozinha e adoro receitinhas simples, fáceis e rápidas de preparar, e acho importante sabermos o que podemos tirar de cada alimento, resolvi estudar e pesquisar um pouquinhos sobre os alimentos e suas fontes de vitaminas.
Começarei pela Vitamina A:

Imagem retirada do Google


Vitamina A 
é talvez a vitamina mais importante. Fundamental para a saúde dos olhos. Chama-se retinol e é facilmente transformada no corpo humano em ácido retinóico, que é a forma efetiva. 
Estudos mais recentes vêm mostrando que a vitamina A age como antioxidante (combate os radicais livres que aceleram o envelhecimento e estão associados a algumas doenças). Porém, recomenda-se cautela no uso de vitamina A, pois em excesso é prejudicial ao organismo.
Nome científico - Retinol ou Axeroftol.
Retinol -  Fortalece a membrana das células, prevenindo infecções.
Fontes (alimentos): Espinafre, gema de ovo, óleo de fígado de peixe, leite, manteiga, cenoura, mamão, tomate, óleo de dendê, couve e manteiga. 
Funções: visão, crescimento, desenvolvimento ósseo, desenvolvimento e manutenção do tecido epitelial (pele), imunidade, reprodução, anti-cancerígeno. 
Deficiência: cegueira noturna, alterações cutâneas.



Excesso: Dor e fragilidade óssea, hidrocefalia e vômitos em crianças, pele seca com fissuras, unhas frágeis, perda de cabelo, gengivite, irritabilidade, fadiga e função hepática anormal.


fonte de pesquisa: Wikipédia e sites sobre o assunto.